A Associação de Jovens Agricultores de Portugal (AJAP) defendeu hoje que são necessários mais regadios em Portugal para ajudar a rentabilizar a agriculta e contrariar a desertificação do interior, replicando projetos como o Alqueva ou de menor dimensão.

Temos de replicar mais 'Alquevas' pelo país, ou 'mini-Alquevas' em certas regiões, de forma a que possamos ter mais água. Se tivermos mais água, mais rentável tornamos a nossa agricultura e mais facilmente contrariamos o abandono e a desertificação do interior", afirmou o diretor-geral da AJAP, Firmino Cordeiro, em declarações à agência Lusa. O responsável falava à margem a conferência "Valorizar o Interior", que está hoje a decorrer no Fundão, distrito de Castelo Branco, numa iniciativa organizada pela revista "Vida Rural" em colaboração com a autarquia fundanense. Frisando a importância da água na agricultura, Firmino Cordeiro subscreveu o apelo que já tinha sido deixado por outros oradores relativo à necessidade de se concretizar o projeto do Regadio a Sul da Gardunha, que há muito é reivindicado por produtores locais e pela Câmara do Fundão.

Segundo referiu, a agricultura está com um maior dinamismo e tem cativado novos agricultores de várias áreas de formação, o que comprova que as potencialidades do país não se resumem ao setor do turismo. "Somos um país de turismo, óbvio, mas somos um país de floresta e também um país agrícola, com solos únicos e com características endafo-climáticas únicas", acrescentou o dirigente desta organização que agrega 13 mil associados, entre jovens agricultores e agricultores membros.

Firmino Cordeiro esclareceu ainda que entre os novos projetos que têm surgido, a maioria estão instalados no interior do país, nomeadamente na Cova da Beira, região em que decorreu a conferência e em Trás-os-Montes. Presente nesta iniciativa, a ex-coordenadora da Unidade de Missão para a Valorização do Interior, Helena Freitas, frisou a importância que a agricultura pode ter no desenvolvimento do interior do país e salientou que são precisas "políticas territoriais" para colmatar os problemas existentes.

"O problema do país não é demográfico. O problema do país é a falta de políticas territoriais. Se tivermos políticas territoriais, seguramente resolvemos os problemas que estão a jusante", disse. Docente e investigadora na Universidade de Coimbra, Helena Freitas anunciou que a sua equipa está a desenvolver um projeto denominado "Cultivar" que visa criar uma rede de competência que permita uma maior valorização dos recursos endógenos.

Reiterou que o conhecimento, a ciência, a tecnologia e os sistemas de organização de produtores são vitais para criar uma agricultura mais competitiva, isto sem esquecer a denominada "agricultura familiar" e o papel que esta componente desempenha em termos produtivos.

Fonte: https://www.dn.pt/lusa/interior/associacao-de-jovens-agricultores-quer-mais-regadios-em-portugal-10188417.html

Published in Notícias

Portugal vai apoiar Moçambique na formação, investigação e infraestruturas na área da agricultura. A notícia foi avançada pelo secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural, Miguel Freitas, que em declarações à Lusa explica que os dois países estão a planear uma reunião para estudar o modelo de cooperação.

“A nossa prioridade, para aquilo que é a relação entre os dois Estados, é a inovação, formação e infraestruturas e nestes pontos Portugal vai apoiar Moçambique (…) Estamos para dar o passo seguinte que é a concretização da parte técnica entre os dois Estados”, afirmou o secretário de Estado.

Esta parceria deverá contar com o apoio da Associação de Jovens Agricultores de Portugal (AJAP), uma vez que um dos grupos alvo da formação serão os jovens moçambicanos. “A AJAP tem uma experiência de quatro décadas na formação de jovens agricultores e, portanto, este é um trabalho que obrigará também uma parceria entre as associações da área agrícola dos dois países”, defendeu.

O Governo de Moçambique reportou recentemente um crescimento de 5% no primeiro semestre do ano no setor agrícola, que tem sido uma das suas maiores apostas.

Vida Rural

https://www.vidarural.pt/producao/portugal-vai-ajudar-a-impulsionar-a-agricultura-mocambicana/

IMAGEM 6.jpg

Published in Notícias